Firefox 57 – uma má ideia para usuários de leitores de tela no Windows

Salve, galera!
Quem ouviu o último episódio do podcast já sabe faz bastante tempo que a versão 57, mais conhecida como quantum, do Firefox, lançada hoje, não é aconselhável para usuários de leitores de tela.
A principal razão é ligada à nova maneira que o navegador usa para obter as informações de uma página e comunicá-las para as tecnologias assistivas.
Os principais fabricantes de leitores de tela para Windows lançaram pronunciamentos oficiais quanto ao Assunto. a NVAccess recomendou que seus usuários esperem se possível para atualizar e a Freedom Scientific também fez uma recomendação exatamente na mesma linha.
Mais recentemente, o Blind Bargains também repercutiu o assunto.
O desenvolvedor Marco Zehe que trabalha para a fabricante do Firefox escreveu um artigo em seu blog explicando mais detalhes e nos trouxe a excelente notícia de que próximas versões (nomeadamente a 58 e a 59) trarão o desempenho quase de volta ao nível em que a versão 56 estava.
A BlindTec já recomendava há muito tempo e ainda continua a recomendar que você não atualize para o Firefox 57 se estiver usando leitores de tela. Se ainda quiser continuar usando o navegador, recomendamos que a versão de release extendida seja utilizada. Esta manterá o Firefox na versão 52 mas receberá atualizações de segurança e demais atualizações consideradas relevantes.

© Copyright BlindTec 2017, todos os direitos reservados.
Para mais detalhes, consulte a página de direitos autorais do portal.
Gostou do post? Compartilhe!Share on FacebookTweet about this on TwitterEmail this to someoneShare on Google+Share on LinkedIn

4 comentários

  • Maurício Sá

    Olá,

    Para colaborar, deixo aqui mais uma alternativa para quem tenha atualizado e pretenda retornar para a versão 56, ao invés de instalar a versão release extendida.

    Link direto para versão 32 bits: https://releases.mozilla.org/pub/firefox/releases/56.0.2/win32/pt-BR/Firefox%20Setup%2056.0.2.exe
    Link direto para versão 64 bits: https://releases.mozilla.org/pub/firefox/releases/56.0.2/win64/pt-BR/Firefox%20Setup%2056.0.2.exe

    Neste caso terá que acessar o menu do Firefox, ir até “Ferramentas”, “Opções” e marcar a opção para não fazer a atualização automaticamente.

    Abraços e vamos aguardar as novas versões do Firefox mais compatíveis com nossos leitores de tela.

    • Maurício,

      Muito obrigado pelo complemento.

      Galera,
      Alggumas pessoas estão relatando que não enfrentaram maior lentidão. No meu caso especificamente, encontrei lentidão para a exibição e principalmente na navegação de conteúdo mais complexo. Como os próprios desenvolvedores dos dois leitores de tela e do navegador avisaram para, se possível … evitar a atualização, decidi informar meus leitores e ouvintes sobre o assunto. Como não atualizar não vai me tolher de nada e na próxima versão as coisas devem estar melhores, decidi esperar. Recomendo,dado este ponto, que todos façam o mesmo apesar de, claro, todos serem livres para fazerem o que bem entenderem.

  • Olá equipe da Blindtec, ao ouvir o último episódio, lá no trabalho, decidimos interromper a atualização do Firefox nas configurações do mesmo.
    No entanto, aqui em casa, atualizei e ao fazer uns testes, não tive maiores problemas e nem percebi lentidão. Lembrando que tenho baixa visão e não uso leitor de tela o tempo todo.
    Abraços

    • Opa Ricardo.

      Talvez seja o caso de vocês tentarem em uma máquina do trabalho e ver o que acontece. Se estiverem usando o JAWS sem ser a última build da versão 18 ou a versão 2018 então esquece, não vai rolar de qualquer maneira … se for o NVDA, então pode-se arriscar.
      No próximo episódio, a ser publicado muito em breve, vou contar melhor porque noticiamos, mesmo que muita gente esteja dizendo que as coisas estão normais. Ao menos para mim, a lentidão continua. Não muita, mas o suficiente para incomodar. Como eu senti esse comportamento e as duas fabricantes e a própria desenvolvedora sinalizarem, vou esperar. Nada me falta na 56 ou na 52 com suporte a release estendido. Mas se funcionar para você, está valendo!
      Muito obrigado por compartilhar suas experiências sempre por aqui, nos ajudando a fazer da tecnologia assistiva cada vez mais algo ao alcance de todos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Responda o desafio abaixo * Tempo limite espirado. Por favor recarregue o desafio